A Rainha dos Condenados [Filme]


Olá hoje venho trazer um rápido  review do filme A rainha dos Condenados (Queen of the damned), o filme é uma sequencia do filme "Entrevista com o vampiro" de 1994. A pesar do nome, o filme foi baseado em dois livros das Cronicas Vampirescas,"O vampiro Lestat" e "A rainha dos condenados". Seu lançamento foi em 2002, ainda me lembro dos poster's por toda cidade e jovens loucos para locação do filme. O filme teve a presença da famosa cantora Aaliyah, no papel que dá nome ao filme e Stuart Townsend no papel do vampiro Lestat. Sua estréia ocorreu seis meses após a morte de Aaliyah em um acidente aéreo, sendo dedicado à sua memória. A trilha sonora tem músicas exclusivas de bandas como Korn, Static-X, Marilyn Manson e Disturbed, Linkin Park, Dry Cell, Slipknot entre outras, o total é de 14 músicas em sua trilha sonora.


Diferente do primeiro filme qual a história se concentrou em Louis, esse se concentrou em Lestat. Mostra um pouco de seu passado de como foi transformado em vampiro, suas ambições. Também mostra uma diferença em suas ações comparadas ao do primeiro filme (explicação somente no livro). Após anos em um profundo descanso e rendição Lestat é despertado por um som desconhecido, esse nunca ouvido antes, assim decide ir ao encontro desse som. Chegando lá se depara com um grupo de jovens tocando Rock e Lestat os surpreendem mostrando sua incrível voz e dizer que quer fazer parte da banda, e que levaria a banda ao sucesso inimaginável onde nem mesmo em seus sonhos eram capazes de imaginar. E assim foi. Em pouco tempo a banda e Lestat chegaram ao topo da fama, sendo a banda mais ouvida do momento (no livro Lestat não somente quer participar da banda, mas chamar a atenção de um antigo amigo Louis).


Mas sua voz não chama atenção e encanta milhares de fãs, mas também de uma ordem vampiresca e uma antiga conhecida, Rainha Akasha. Akasha é rainha dos vampiros, a mãe dos vampiros a primeira e pura. Ela e seu marido atravessaram séculos em forma de estatuas, porém ainda estavam vivos. A poderosa rainha era cruel, sádica e massacrava milhares tanto humanos como de sua especie. Quando Lestat era recém vampiro teve um encontro com a jovem rainha, qual lhe ofereceu seu sangue o tornando mais forte e mais puro do que outros vampiros, Porém seu tutor e quem lhe transformou não suportou isso e o abonou, deixando o com seus ensinamentos incompletos (motivo de Cláudia da historia anterior, lhe chamar de simplório e mentiroso e que não tinha nada a ensinar.). Então Akasha mais a organização vão em busca de Lestat, e começa a trama principal da historia.


Para ser honesta a história é boa, mas o seguimento da história é muito desordenada... a personagem qual da o nome ao filme, aparece um pouco antes do final do filme. A aparição de Akasha a Lestat é péssimo, tanto os efeitos de voar quando a batalha. Pessoalmente não gostei da escolha do ator sua interpretação de sensualidade era forçada, o que foi bem diferente com Tom Cruise. A voz que é ouvida nas músicas cantadas por Lestat não é do ator Stuart Townsend, intérprete do personagem, mas sim de Jonathan Davis, vocalista da banda Korn. O filme é baseado em meu livro favorito das cronicas vampirescas, e acho que não chegou nem a sombra do filme anterior. Acredito que a diferença entre dois filmes, foi que no anterior Anne Rice escreveu o roteiro para o filme, enquanto no segundo foi negado pela Warner, mesmo ela oferecendo valor mínimo exigido pelo Sindicato de Roteiristas. Infelizmente o trágico acidente que resultou na morte da atris e cantora  Aaliyah ( Akasha), aconteceu um pouco depois das gravações do filme, o que dificultou as edições de falas, assim seu irmão Rashad Haughton, foi então contratado pelos produtores do filme para a dublagem de cenas de Aaliyah, após sua morte.

O filme vale a pena ser assistido? Sim, desde que ignore algumas coisas como os efeitos, que ficaram muito a desejar. Mas tirando isso a história é boa e a trilha sonora perfeita! Você pode ver o review do filme anterior aqui : Entrevista com o Vampiro

Classificação:

Um comentário:

▪ Leu a postagem e gostou? Deixe um comentário feliz.
▪ Não use palavras de baixo escalão.
▪ Comentários de mau gosto, não serão publicados.
▪ Quer afiliação? Pode pedir por aqui mesmo.
▪ Aceito pedido de postagens.
▪ Não peça "seguindo, segue de volta?", deixe o link de seu blog. Eu irei visitar se eu gostar eu seguirei.