Black Butler The Movie/ Kuroshitsuji J-Movie/ Mordomo de Preto [Filme]


Olá pessoinhas, como vão todos? Espero que bem. Hoje decidi fazer outra analise ou resenha, critica sei lá rs do filme Kuroshitsuji, um dos meus amorecos eternos. A resenha farei um cadinho diferente das anteriores, irei abordar sobre o filme e colocar a minha opinião ao longo da postagem. Lembrando que minha opinião, é minha opinião não deve ser levada em conta. Kuroshitsuji (黒執事), Black Butler ou Mordomo de Preto como é chamado aqui no Brasil é um filme japonês do gênero ação, aventura, fantasia,  científica e suspense, dirigido por Kentarō Ōtani e Keiichi Sato. O filme é baseado no mangá escrito por Yana Toboso. No filme estreou em 1 de janeiro de 2014,  no Brasil o filme foi transmitido pela Netflix em 15 de junho de 2015, (néh mô sacanagem essa diferença de tempo...). Apesar do filme ter se baseado no mangá, o enrendo não tem praticamente nem uma ligação com a trajetória do mangá tornando-se uma história completamente nova (ou quase isso).


No filme, a ambientação foi mudada para o século 21 ano de 2020 na Ásia, já no mangá original, a série era ambientada no século 19 em Londres. O produtor Shinzô Matsuhashi afirmou que o cenário do filme foi alterado porque, caso contrário, não poderiam haver atores japoneses para o filme. Assim acalmando os fãs que ficaram bastante aborrecidos com essa mudança. Outra mudança rustica foi no personagem principal Ciel  Phantomhive, que foi intitulado como Kiyoharu Genpō e outras coisinhas a mais.

Sinopse: Num futuro próximo (2020), o mundo se divide em duas nações, a nação ocidental e oriental, ambas nações são unidas. A nação ocidental é marcada pela monarquia e têm muitos espiões (também conhecidos como os cães de guarda da Rainha), que são mandados para coletar informações. A garota Shiori Genpō que também faz parte dos espiões, é uma descendente da família Phantomhive, mas não pode liderar a família por ser mulher e para se vingar das pessoas que mataram seus pais, ela faz um contrato com o mordomo demônio Sebastian Michaelis e começa a vestir roupas masculinas e muda seu nome para Kiyoharu. Sebastian passa a protegê-la, mas em troca ele pede sua alma, até que ela complete sua vingança.



Nesta adaptação, um órfão chamado Shiori Genpo (Ayame Gouriki) convocou um demônio que se tronou o mordomo Sebastian (Hiro Mizushima) para ajudá-la a realizar vingança em troca de sua alma. Disfarçado como um garoto, ela reúne pistas sobre assassinato de seus pais durante a execução de empresa de sua família e servindo-se como "cão de guarda" para a Rainha. O caso dos cadáveres mumificados estabelece um tom fantástico com uma forma de tecnologia sci-fi lançada mais tarde. O mais engraçado que apesar da história o correr no seculo 21, ainda mantiveram em alguns cenários o estilo Inglês do século 18, que é o século que se passa a história original, nós tornando as vezes meio turvos por está mistura.


Uma empresa farmacêutica tem dado um destino sinistro a jovens vítimas do sexo feminino, causando desconforto a rainha ela envia o Jovem Genpo para resolver o caso.Assim a história se segue com o charmoso mordomo ajudando seu senhor a resolver o misterioso caso. Uma coisa que achei muito legal no filme que conseguiram expressar aquele jeito seco, ingenuo, acanhado e fofo do Ciel Phantonhive que na adaptação é Kiyoharu Genpō, é, o lado sedutor, calmo e profundo do Sebastian que é um dos únicos personagem que carrega o nome original da série. Uma coisa que não dispensaram são as leves implicâncias dele com o jovem Genpo, o que eu amoooo no anime e no mangá!!! A personalidade do Sebastian, entre muitas outras coisas dele foi levada quase que ao ponto do mangá, o que foi muito bom. O que me deixou  um pouco triste e que não se focaram tanto no personagem Sebastian... deixando aquela exuberância com poucas falas.


No filme não contamos com a presença de muitos personagens; Finnian, Bard, LAU e o mais frustrante Grell  Sutcliff. Apesar dele não ser nem mocinho e nem vilão Grell Sutcliff é um personagens mais importantes da série, claro que a falta dele não atrapalhou em nada o filme, mas achava que se estivesse na adaptação se tornaria muito mais emocionante e divertido. Porém outros personagem da série aparece como: Hanae Wakatsuki tia do jovem Genpo, irmã mais velha de sua mãe. No anime a conhecemos como Madame Red/ Lady Red. O senhor Tanaka-san que não teve seu nome mudado e nosso querido Undertaker, que também tem o mesmo nome do anime. Porém bem diferente do Undertaker que conhecemos, no mangá/anime desconfia-se ser um personagem muito belo, porém ainda não foi revelado seu rosto e o filme adotou isso. Colocaram um belo ator, mas apesar de belo eu não gostei da modificação do personagem... eu pessoalmente não gostei. Boa parte de minhas amigas gostaram, mas eu infelizmente acabei tendo uma opinião diferente. rs Depois dessa fiquei até agradecida de não terem colocado o Grell.


Uma personagem que amei no filme foi Lyn, que conhecemos como Meirin no mangá/anime. Com aquele jeito tímido, fofo, tapada, forte e cativante como sempre. A parte que ela apareceu foi a melhor, simplesmente a melhor. Nem vou falar muito, para não estragar. Na adaptação se mostra determinada a proteger e servir o senhor Genpo, diferente do anime/mangá que mostra Meirin tendo um grande carinho e gratidão para com o seu senhor, no filme mostra tanto ela quanto seu senhor compartilhando do mesmo afeto, tendo um passado mais convivente de longo prazo do que na série original.


Outra parte bastante legal foi quando apresentaram a "Necrose" não vou falar nada respeito, mas foi uma parte bastante chocante. Foi uma das cenas que também mais gostei, e me fez pensar como nos momentos mais difíceis o ser humano só pensa em si próprio, mesmo sabendo que a pessoa ao seu lado tem mais chance de se salvar, e digo em todos os aspectos não apenas desta parte do filme.


Agora Black Buttler é um bom filme? Sim é um bom filme. Acho que foi a melhor live action que assisti em 2014, porém não se tornando ainda meu queridinho. Sim, muitos fãs da série vão dizer que amou, ou vão dizer que amou simplesmente por gostar da série o que não é meu caso. O filme não foi decepcionante mais esperava muito mais. Gostei muito das modificações mostrando coisas que nunca vimos no mangá, amei os cenários, são realmente incríveis. Outra coisa que gostei muito foi a mistura do século 18 com 21, mostrando carros da época é tenologia avançada. A única coisa que não gostei foi que terminou mais ou menos... não me deixou de boca a berta como quando chego na última pagina do mangá. Durante o filme teve partes impactantes, mas o final não me foi grande surpresa. Mudarão tanta coisa para o final não ser novidade. Acho que os primeiros segundos do filme foram mais emocionantes do que algumas muitas cenas finais. Não digo todas! Então apesar de amaaar Kuroshitsuji, não gostei do filme pela falta de criatividade e novidade no final. Mas apesar disso, espero ansiosamente que tenha uma outra adaptação, com coisas super diferentes com Genpo e Sebastian. Para quem quiser assistir o filme online, eu postei lá no Onegai PT. Agora chega pois essa postagem está enorme!!!!!!!!!!!!!!

12 comentários:

  1. Eu ainda não pude ver, mas parece emocionante. Eu vi algumas imagens na internet e não gostei do undertaker.... sei lá não me agradou. Acredito porque gosto do jeito que ele é. Mas gostei muito da resenha e irei assistir assim que tiver tempinho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que ao assistir possa gostar. rs Entendo, eu não gostei não pelas mudanças serem feitas, mas porque achei que as mudanças ficaram feias... Obrigada por gostar da resenha.

      Excluir
  2. Sou fã do Black Buttler e tive a mesma conclusão final... achei que seria diferente, já que toda história se seguia de forma diferente... a primeira vez que espero um final diferente de uma adaptação que fez mudanças boas e não mudou o final.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Néh? =( Mas decidirão não mudar o final, pelo menos não tanto. kkkkk Sim, foi exatamente isso que pensei mudarão praticamente tudo e eu esperava uma mudança no final e não veio;

      Excluir
  3. Achei que a produção caprichou abeça no filme, eu particularmente gostei. O final também gostei apesar de ter esperado um pouco mais. O ator que fez o Sebastian e o senhor Takada foi muito bem encaixados, o único que não gostei da mudança foi o Undertaker.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim fizeram muito bem, também gostei de todas as mudanças, menos você saber....

      Excluir
  4. Eu não gostei do filme.... nem das modificações, mas gostei muito dos cenarios mas a mistura de séculos foi um pouco confusa para quem não teve noção disso. Os atores também achei muito bons, principalmente a atuação do ator que fez o Sebastian. Mas não sei porque o filme não me agradou.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo, não gostou. Bom deve ter alguma explicação. Fiquei curiosa de saber mais sobre sua opinião e conclusão. =3 Os atores foram, realmente bem escolhidos.

      Excluir
  5. Eu vi o filme achei bem legal e uma boa produção, mas achei que me deixaria de boca aberta como geralmente é no mangá e não foi.

    ResponderExcluir
  6. Olá Drissa como está? Eu vou bem, obrigada por perguntar. Eu vi o filme no inicio do ano, e gostei. Não tenho criticas positivas nem negativas, fico entre os dois. Mas gostei muito de sua resenha e minha parte favorita também foi da Lyn e da necrose, e realmente o ser humano e um ser mesquinho.... infelizmente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oizinho, eu estou bem e fico contente que também esteja. Compreendo, eu tive essa sensação por todo o filme, menos no final. Mas fico contente que tenha gostado dele. Da necrose foi tenso rs, tenso. E sim.... =(

      Excluir

▪ Leu a postagem e gostou? Deixe um comentário feliz.
▪ Não use palavras de baixo escalão.
▪ Comentários de mau gosto, não serão publicados.
▪ Quer afiliação? Pode pedir por aqui mesmo.
▪ Aceito pedido de postagens.
▪ Não peça "seguindo, segue de volta?", deixe o link de seu blog. Eu irei visitar se eu gostar eu seguirei.